home

Competição sustentável poderá transformar quatro áreas de Salvador; entenda

Capital baiana participa do Reinventing Cities, junto com outras 14 cidades do mundo

  • 20 de novembro de 2017 - 11:59
Terminal do Aquidabã é uma das áreas escolhidas para passar por mudanças (Betto Jr/Arquivo CORREIO)
Quatro áreas podem ter suas estruturas modificadas e se tornarem mais sustentáveis e resilientes em Salvador: terminal do Aquidabã, o complexo do Vale dos Barris, antiga sede da Limpurb e o prédio da Prefeitura. A possibilidade de mudança vai acontecer durante o Reinventing Cities (Cidades Reinventadas), uma competição global que estimula empreendimentos sustentáveis e inovadores nos centros urbanos.

A competição começou nesta quinta-feira (16), e apenas 15 cidades foram escolhidas para participar da disputa. Além de Salvador, também participam Auckland (Nova Zelândia), Cidade do Cabo (África do Sul), Chicago (EUA), Houston (EUA), Lima (Peru), Madrid (Espanha), Cidade do México (México), Milão (Itália), Oslo (Noruega), Paris (França), Quito (Equador), Reykjavik (Islândia), Rio de Janeiro (Brasil) e San Francisco (EUA).

Segundo a prefeitura, estão sendo convocados profissionais dos setores públicos e privados para desenvolver soluções sustentáveis. Podem participar da competição arquitetos, construtoras, ambientalistas, grupos comunitários, inovadores e artistas.

“O Reinventing se integra a um conjunto de ações que a Prefeitura tem desenvolvido para internacionalizar nossa cidade. O concurso possibilitará ideias inovadoras e sustentáveis para áreas da cidade com potenciais transformadores”, destacou André Fraga, secretário municipal da Cidade Sustentável e Inovação (Secis), por meio da assessoria.

De acordo com a prefeitura, cada área teve um motivo para ter sido escolhida: o terminal do Aquidabã, por estar rodeado de comércio popular; o complexo do Vale dos Barris, que engloba tanto as vias de acesso quanto as áreas de entorno; a antiga sede da Limpurb (Empresa de Limpeza Urbana de Salvador), que mede cerca de um hectare e tem grande potencial para novas instalações; e o prédio da Prefeitura, que fica no Centro Histórico e pode ser tornar uma estrutura mais inteligente.

Além de serem efetivos para as áreas escolhidas, os projetos também possam ser copiados em outros lugares do mundo.

Fonte: Jornal Correio da Bahia.

Comentários

Equipe responsável

  • Maiara Chaves de Oliveira
    Secretária Executiva

    Maiza Almeida
    Secretária Executiva
  • www.acbahia.com.br
    presidencia@acbahia.com.br
    secretariadadiretoria@acbahia.com.br
    comissoestematicas@acbahia.com.br
    71 - 3242 4455
    71 - 99964 5725

Galeria de Fotos

  • Ops! Por hora não há galeria de fotos publicadas.
Outras Galerias

Vídeos

  • Ops! Por hora não há vídeos publicados.
Assistir todos