acb

Mobilização empresarial pela qualidade na educação

ACB Em Foco*

  • 09 de fevereiro de 2022 - 09:18

A Associação Comercial da Bahia (ACB) acredita que o desenvolvimento econômico e social do país depende de um sistema educacional que ofereça educação de qualidade para todos os brasileiros. Com isso, o Núcleo de Educação e Cultura da entidade, em parceria com o Movimento Via Cidadã, promove, hoje, mais um encontro do Ciclo de Debates que busca discutir boas práticas que contribuem para avanços na educação pública do Brasil.

O convidado desta edição é o executivo de Educação do Espírito Santo em Ação, Luciano Gollner, que apresentará o tema Mobilização empresarial pela qualidade na educação. O evento será transmitido às 20 horas pelo canal ACB Lives no YouTube.

Como justifica o coordenador do Núcleo, professor Ney Campello, o exemplo do Espírito Santo em Ação é um inspirador benchmarking de uma cooperação público/privada, que mobilizou a energia empreendedora e criativa do empresariado capixaba, não somente para apoiar, mas também para formular políticas públicas em parceria com os governos locais.

“Promover educação pública de qualidade para formação do ser humano integral é tarefa de muitos, não pode prescindir do seu caráter de agenda de estado, muito menos se esbarrar em conflitos corporativos e ideológicos, que amesquinham a missão precípua da educação – o estudante como sujeito de aprendizagem e direito de aprender”, diz Campello, que já ocupou o cargo de superintendente de Educação Básica do Estado da Bahia.

Com a missão de mobilizar a classe empresarial do Espírito Santo para fortalecer o ambiente de negócios e o desenvolvimento sustentável, o movimento Espírito Santo em Ação nasceu em 2003 com o propósito de desenvolver projetos para apoiar iniciativas da gestão pública a partir da experiência de empresários e executivos da iniciativa privada.

“Ao longo dos seus quase 20 anos de existência, o movimento aglutinou forças e presença nas principais decisões do Espírito Santo que envolvem os quatros eixos estratégicos de sua atuação: educação; formação de lideranças; gestão pública eficiente; e planejamento a longo prazo. É hoje, um modelo de organização não governamental com foco permanente no equilíbrio institucional e na maior qualificação das relações público-privadas”, descreve Luciano Gollner.

Segundo o gestor, a atuação do Espírito Santo em Ação pela educação se fortaleceu a partir de 2014, quando a instituição levou para o Espírito Santo a proposta de metodologia de escolas de tempo integral desenvolvida pelo Instituto de Corresponsabilidade pela Educação – ICE, e implantada com sucesso desde 2002 no Estado de Pernambuco. O ES em Ação apoiou e articulou uma rede de parceiros para viabilizar e acompanhar a implantação do modelo de escolas de tempo integral a partir de 2015.

Na Bahia, o Núcleo de Educação e Cultura da ACB se uniu ao Movimento Via Cidadã para propor alternativas do setor produtivo que contribuam com o protagonismo de uma verdadeira revolução no modelo educacional no estado, em parceria com a administração pública e todas as organizações não governamentais interessadas.

“O estado brasileiro, por sua complexidade e dimensão territorial, demanda novos arranjos de governança, para a superação de históricos desafios, a exemplo da oferta de uma educação de qualidade com equidade”, destaca Campello.

Publicada às quartas-feiras, a coluna mostra a atuação da Associação Comercial da Bahia na defesa do empresariado baiano

Comentários

Equipe responsável

  • Maiara Chaves de Oliveira
    Secretária Executiva

    Maiza Almeida
    Secretária Executiva
  • www.acbahia.com.br
    presidencia@acbahia.com.br
    secretariadadiretoria@acbahia.com.br
    comissoestematicas@acbahia.com.br
    71 - 3242 4455
    71 - 99964 5725

Vídeos

  • Ops! Por hora não há vídeos publicados.
Assistir todos