home

Salvador vai aderir ao Pacto Global pelo Clima e Energia

Capital baiana será a primeira cidade da América Latina a assinar a Carta Compromisso na manhã desta quinta-feira (19/10)

  • 19 de outubro de 2017 - 18:26
((foto: Antônio Queiroz / Arquivo Correio))

Murilo Gitel, especial para o CORREIO Sustentabilidade

Salvador se tornará nesta quinta-feira (19/10) a primeira cidade da América Latina a aderir ao Pacto Global dos Prefeitos Pelo Clima e a Energia, iniciativa que busca permitir uma maior colaboração entre as cidades de todo o mundo com o objetivo de construir conexões e aumentar a oferta de financiamento para apoiar e capacitar a administração pública na ação local pelo clima e energia renovável.

O prefeito ACM Neto e o embaixador da União Europeia no Brasil, João Cravinho, assinarão a Carta Compromisso do Pacto Global dos Prefeitos Pelo Clima e a Energia durante o Fórum de Cidades Digitais da Região Metropolitana de Salvador, evento que também contará com a participação da delegação de embaixadores europeus que visitam o estado nesta quinta e sexta (19 e 20/10) visando estreitar as relações entre a União Europeia (UE) e a Bahia acerca de projetos para a economia de baixo carbono.

Depois da assinatura, uma mesa redonda liderada por João Cravinho será realizada para discutir as consequências negativas das mudanças climáticas e a importância de se juntar ao Pacto. Entre os impactos que serão debatidos estão os altos níveis de poluição e fenômenos meteorológicos atuais – furacões, inundações, aumento do nível do mar e secas. Também terá destaque o papel determinante das cidades quanto aos modelos de urbanização, que condicionam de forma decisiva o consumo de recursos naturais e a geração de resíduos.

Papel das cidades

O lançamento do Pacto Global de Prefeitos pelo Clima e Energia foi realizado seis meses após a COP 21 (Conferência da ONU Sobre Mudanças Climáticas), em Paris, na qual as cidades desempenharam um papel crucial na defesa de um acordo internacional ambicioso, e representa uma reação histórica e poderosa dos líderes locais às urgentes alterações bruscas do clima.

Cidades e governos locais do Pacto Global de Prefeitos estão motivados a enfrentar questões climáticas a partir de um desejo de melhorar a qualidade de vida de suas comunidades, não apenas através de um ar mais limpo e cidades mais verdes e habitáveis, mas também com a melhoria da gestão e do fornecimento de serviços públicos. Atualmente o Pacto Global é a maior coalizão global de prefeitos e autoridades locais, com mais de 7.100 comprometidos ao redor do mundo.

Fonte: Jornal Correio da Bahia.

Comentários

Equipe responsável

  • Maiara Chaves de Oliveira
    Secretária Executiva

    Maiza Almeida
    Secretária Executiva
  • www.acbahia.com.br
    presidencia@acbahia.com.br
    secretariadadiretoria@acbahia.com.br
    comissoestematicas@acbahia.com.br
    71 - 3242 4455
    71 - 99964 5725

Galeria de Fotos

  • Ops! Por hora não há galeria de fotos publicadas.
Outras Galerias

Vídeos

  • Ops! Por hora não há vídeos publicados.
Assistir todos